segunda-feira, 7 de setembro de 2009

BIA PERGUNTA... E A PATRICIA RESPONDE!

O casamento da Patricia está aí para provar que o simples pode ser muito bonito e elegante! Pouquíssimos convidados, luz do dia, um cenário lindo na serra fluminense... E o toque da noiva deixando tudo mais especial...
Nome dos noivos: Patricia e Christian
Idade com que se casaram: 30 e 39
Data e horário do casamento: 06/06/2009. É a nossa data!!! Começamos a namorar e ficamos noivos no dia 06 de junho também. Não tem como esquecer. (rs). A cerimônia foi as 16:00 horas.
Local da cerimônia/festa: Uma linda casa em Itaipava (Petrópolis – RJ)
Quantidade de convidados: 120
Quem pagou as despesas do evento: informação não divulgada

- Você sempre sonhou em se casar, em ter esse momento noiva?
Não. Pelo contrário, desde pequena sempre dizia que nunca iria me casar, tanto que antes de decidirmos casar moramos juntos por um tempo. Depois de ir a vários casamentos, comecei a pensar se mais tarde não me arrependeria de não ter casado devidamente vestida de noiva.
Comecei, então a me entusiasmar pelo assunto e resolvemos casar.


- Contratou assessoria/cerimonial? Considera este um serviço importante? Por que?
Eu fiz questão de contratar uma cerimonialista. Ainda mais pelo fato de eu ter casado em uma cidade diferente da que moro. Foi importante poder contar com a ajuda dela para indicar profissionais e marcar reuniões.
É um serviço fundamental, pois, além da assessoria dada antes do evento, será ele que no dia da festa verá os detalhes que você não terá condições de supervisionar, recepcionará os convidados e dará auxílio sempre que você precisar.
Recomendo que não deixem de contratar esse serviço, nem que seja pelo menos para o dia da festa.


- O que mais te estressou durante os preparativos?
Fazer com que todos os serviços que queria contratar coubessem dentro do orçamento.

- Qual a parte mais agradável ou fácil desse processo?
O vestido. Já tinha o formato que queria desenhado. Acertei em cheio na escolha da Carol para executá-lo. Os detalhes que ela acrescentou fizeram toda a diferença. Foi ótimo fazer cada prova do vestido e ir vendo como estava ficando.

- O que você considera que tenha sido um achado? Pode ser um item bem baratinho, um profissional pouco conhecido com um preço ótimo...
As forminhas e as toalhas que fiz (rs).

- E qual foi a sua extravagância? Pode ser um profissional renomado que fazia questão ou algum item luxuoso.
Não contratamos nenhum profissional super renomado (pelo menos no Rio de Janeiro), mas fizemos questão de servir comida farta e de excelente qualidade, bebidas de ótima qualidade e boa música. Por isso, acabamos contratando profissionais conhecidos em Petrópolis, mas não pelo nome somente, e sim pela qualidade dos serviços.

- Sentiu dificuldade em encontrar algum produto/serviço? O que?
Não.

- Foi tudo como você esperava/planejou?
Apenas um pequeno detalhe da decoração não ficou exatamente como queria. Escolhi pequenos vasos com vários arranjos nas mesas, mas foi feito um arranjo único em um vidro quadrado (que não acho muito bonito). Mas como o resultado final ficou legal, não valia a pena me estressar por isso.

- O que você mais gostou no evento?
Comemorar esse dia com pessoas muito especiais para nós.

- E o que menos gostou?
Gostei de tudo!!!

- Algum arrependimento?
Não ter tirado fotos antes de começar a cerimônia. Não queria entrar atrasada e perder a luz do sol. Por isso, tenho poucas fotos posadas.

- Se o seu casamento ainda fosse acontecer, contrataria os mesmos profissionais?
Sim.

- Conte um pouco sobre o grande dia. As emoções, expectativas, nervosismo...
Foi um final de semana prolongado ótimo! Começou na 5ª feira quando pegamos um casal de padrinhos no aeroporto e fomos para Itaipava. Curtimos bastante o dia e fizemos vários passeios, inclusive no Museu Imperial.
Na 6ª feira começaram a chegar pessoas da família que ficaram hospedadas na casa onde foi realizado o casamento e em outra casa na região. Fiquei resolvendo vários detalhes de almoço, jantar, buscar e levar as pessoas de uma casa para outra. Estava tão entretida que nem tinha feito a unha ainda. Minha cerimonialista quase entrou em pânico quando soube e rapidamente marcou para eu fazê-las ainda no mesmo dia. Meia-noite ainda tinha gente chegando! Fui dormir logo depois.
Sábado, dia do casamento, ainda fui resolver algumas coisas antes do almoço que foi servido cedo, por volta do meio-dia. Por volta de 13:30 h fui tomar banho e me arrumar para as 16:00 horas fazer a grande entrada. Tinha tanta coisa para me distrair que não tive tempo de ficar nervosa, foi ótimo e no dia seguinte ainda tivemos um ótimo almoço antes de voltar para casa e seguir para nossa viagem de lua de mel.

- Qual sua dica para as meninas que ainda vão se casar?
Aproveitem cada minuto e não se estressem com pequenos detalhes!

Adorei a estilista dela... rsrsr
Para saber mais detalhes é só entrar no blog da Pat.
bjs

2 comentários:

Momento único disse...

AMEIIIIIIIIIII o Bolo !!! AMEEEEEEEEIIIIII o arranjo do Jardim !!!!

Parabéns para o casal !!!

bjão

Rumo ao Altar disse...

Adorei as dicas!!!
O casamento dela foi lindo!
Bjus!!!