sábado, 5 de setembro de 2009

BIA PERGUNTA... E A VANESSA RESPONDE!


Meninas, boa noite!!

Hoje é a vez da Vanessa. A história dela é super diferente da maioria das meninas: quando se casaram os noivos já moravam juntos há 12 anos!! E os filhos entraram com as alianças! Emoção pura...

Nome dos noivos: Vanessa e Fernando
idade com que se casaram: 34 e 45 (oficializamos nossa união depois de já estarmos morando juntos há 12 anos)
data e horário do casamento: 17 de janeiro de 2009, às 20h30
local da cerimônia/festa: Capela Nossa Senhora dos Remédios e Espaço das Nações – Itajubá-MG
quantidade de convidados: 200 convites e 278 pessoas presentes
quem pagou as despesas do evento: Os noivos

- Você sempre sonhou em se casar, em ter esse momento noiva?
Sempre sonhei em me casar! Quando era pequena adorava a Cinderela... rsrsrsrs... Sempre quis me casar na igreja, com vestido branco, véu, grinalda e entrar de braço dado com meu pai... e sempre soube que iria realizar esse sonho... moramos juntos por 12 anos antes de oficializarmos nossa união, mas nunca houve uma cobrança de minha parte, eu tinha certeza que iríamos nos casar na igreja! Acho que tudo aconteceu no seu devido tempo, não me arrependo...O que posso dizer é que SER NOIVA é muito melhor do que qualquer coisa que eu havia imaginado ou sonhado, foi realmente maravilhoso tudo o que vivemos naqueles dias!

- Contratou assessoria/cerimonial? Considera este um serviço importante? Por que?
Contratei cerimonial sim, acho essencial! Principalmente no nosso caso, nos casamos em Minas Gerais, mas moramos em Brasília... eu jamais conseguiria organizar meu casamento sem a ajuda de um cerimonial realmente profissional! Mas independente da distância acho muito importante a noiva ter uma assessoria, alguém que saiba entender exatamente o que você quer e cuide para que seja assim no grande dia!

- O que mais te estressou durante os preparativos?
Pra falar a verdade, acho que fui uma noiva muito diferente... muito tranquila! Nada me estressou... tive algumas preocupações, alguns cuidados... mas acho que as coisas foram acontecendo e se encaixando naturalmente! Acho, inclusive, que essa minha tranquilidade colaborou para que todos a meu redor se sentissem assim também.

- Qual a parte mais agradável ou fácil desse processo?
Com certeza, durante o planejamento do casamento, tivemos vários momentos agradáveis! A escolha do vestido é a melhor delas, incluindo as provas, lógico!!! A escolha dos doces, o cardápio... a entrega dos convites, a escolha das músicas, as conversas com a família...tudo muito bom! Passar horas na internet pesquisando sobre casamento, modelos de convite, lembrancinhas, bolo...Dá uma saudade depois...

- O que você considera que tenha sido um achado? Pode ser um item bem baratinho, um profissional pouco conhecido com um preço ótimo...
Pra mim, os noivinhos da Cris Dias, com certeza! Eu já havia pesquisado e estava assutada com os preços... principalmente por que além dos noivinhos tradicionais (topo de bolo), encomendamos também bonequinhos dos nossos filhos que ficaram espalhados pelo bolo. A Cris Dias tem um preço ótimo e é super-profissional! Os noivinhos chegaram na data marcada e perfeitos, mesmo eu não estando no Rio! Indico! Além disso, também comprei aquelas forminhas de 4 pétalas por um preço super em conta!

- E qual foi a sua extravagância? Pode ser um profissional renomado que fazia questão ou algum item luxuoso.
Bom, não abri mão das flores! E quem já casou ou orçou este item sabe que é bem carinho... não gastei uma fortuna com flores, mas posso dizer que foi o item mais caro do nosso orçamento... também não abri mão das lembrancinhas da Jeniffer Bresser para as mães e madrinhas! Gastei um bom dinheiro, mas não me arrependo! Eles são super-profissionais e o atendimento é ótimo.

- Sentiu dificuldade em encontrar algum produto/serviço? O que?
Apesar de Itajubá ser uma cidade do interior de Minas não me faltou nada! É lógico que hoje em dia as noivas tem a facilidade da internet e eu me aproveitei disso! Tudo que pude encomendar pela internet, encomendei e não tive problemas. Também usei a internet para conversar e tirar dúvidas com a cerimonialista, a responsável pelo buffet, o regente do coral e até com a Eliane, responsável pelo meu vestido...

- Foi tudo como você esperava/planejou?
Foi tudo muito melhor do que eu imaginava!!! É uma sensação indescritível, é sensacional!!! Costumo dizer que é uma emoção e uma felicidade tão grande que não cabe no peito e transborda no sorriso! Bom demais!

- O que você mais gostou no evento?
Gostei de tudo! Mas é lógico que alguns momentos são mais marcantes: a minha entrada com meu pai, por exemplo, foi maravilhosa! Estávamos tão tranquilos e felizes! Entrar na igreja e ver rostos tão queridos e conhecidos no caminho até o altar é inesquecível! Ver o noivo no altar, com olhinhos de felicidade também é muito bom! Outro ponto alto da cerimônia, com certeza, foi a entrada dos nossos filhos com as alianças e a entrada dos meus avós com a imagem de Nossa Senhora de Fátima, todos se emocionaram! Bom, na festa tudo estava ótimo: comida, bebida, as pessoas... mas o melhor mesmo foi quando joguei o buquê, foi muito bom!

- E o que menos gostou?
O que não gostei é que passou muito rápido! Queria ter vivido este dia em câmera lenta!!!

- Algum arrependimento?
Só o de não ter tirado mais fotos com os convidados...

- Se o seu casamento ainda fosse acontecer, contrataria os mesmos profissionais?
Com certeza! Contrataria todos novamente sem sombra de dúvida!!! São todos profissionais maravilhosos!

- Conte um pouco sobre o grande dia. As emoções, expectativas, nervosismo...
Nosso grande dia foi bem corrido!!! E na verdade passamos o dia juntos! Fui para o salão de manhã para lavar o cabelo e colocar bobes, depois passamos no hotel para ver alguns parentes que haviam chegado, almoçamos, fomos ao local da festa entregar algumas coisas que estavam faltando... UFA!!! Meu pai levou meu marido e nossos filhos para o hotel e aí, ficamos e eu meu pai em casa... no final da tarde voltei para o salão e recebi um buquê lindo e carinhoso do meu marido, adorei!!! A verdade é não fiquei nervosa em momento algum... fiquei muito emocionada, é lógico! Mas muito feliz também por enfim estar realizando um sonho tão grande e tão antigo... quando a porta da igreja se abriu foi maravilhoso!!!! Felicidade pura!

- Qual sua dica para as meninas que ainda vão se casar?
Uma dica que acho sensacional é fazer uma lista das fotos que vocês querem tirar e entregar para a cerimonialista, na hora a gente não se lembra de nada, nadinha mesmo... Outra dica boa é ir à igreja em que vocês vão se casar e assistir a um casamento. Observem tudo! Assim vocês poderão definir como será a sua cerimônia, cada igreja tem uma regra, tem um tipo de cerimônia... às vezes o que pode numa igreja, não pode em outra, mesmo as duas sendo católicas ou evangélicas...Quando meu primo foi se casar, ele e a noiva queriam que a daminha e o pajem entrassem somente na hora da benção das alianças, mas a igreja não permitiu... na igreja em que nos casamos esse é o padrão, então nossos lindos pajens, nossos filhos, entraram nessa hora... outra dica boa é: se vocês vão fazer uma cerimônia religiosa, seja ela qual for, envolvam-se! Escolham as leituras, mostrem interesse! É imprescindível a participação dos noivos nesta etapa, afinal, ela é mais importante! E, por fim, aproveitem bastante, mas bastante mesmo, todas as fases do planejamento e mais ainda, o dia do casamento! Nada mais faz com que a cerimônia e a festa sejam inesquecíveis do que a alegria, a felicidade e o amor dos noivos!!! Sejam felizes!!!

Viram meninas, nunca é tarde para realizarmos nossos sonhos!!
Para falar com a Vanessa é só clicar aqui.
bjs

3 comentários:

Rê - Modestia à Parte disse...

Já li todas as entrevistas e estou adorando.
A Vanessa é a prova de que num casamento, tudo é possível.
Às vezes as pessoas acham que não podem (ou não devem) se casar de branco por terem filhos ou já estarem numa relação estável.

Amei. Parabéns.

Bjinhos

Vanessa e Fernando disse...

Rê, eu acredito que a gente deve realizar os nossos sonhos! As pessoas gostam muito de comentar a vida alheia, mas eu não me importo... nós já vivíamos juntos, casados, há 12 anos quando oficializamos nossa união, mas me casei de branco, véu e grinalda, tudo que eu tinha direito... afinal, é meu primeiro e, com certeza, único casamento, por que não???
A pureza está nos nossos corações!!!

Beijos!

Bia, muito obrigada!!! A entrevista ficou linda!!!

Noiva Neurótica disse...

Adorei....

Já acomapnhava o blog da Vanessa e Fernando, vi to a saga desta noivinha com os preparativos a distância... uma luta... mas me emocionei ao ver a entrevista com ela em seu blog... ótima iniciativa...

Atenciosamente,

Noiva Neurótica