segunda-feira, 23 de agosto de 2010

O QUE TENHO VISTO POR AÍ...

*** Esse blog mudou de endereço! ***
Visitem o site e o blog: http://www.beatrizdias.com.br/ 
http://beatrizdiaseventos.blogspot.com/


Oi meninas!

No lugar dos meus famosos relatos, vou colocar aqui alguns tópicos interessantes sobre coisas que observei nos casamentos que fui ultimamente:

- buffet farto, mas garçons mal instruídos e deixando mesas sem atendimento

Fui a um casamento que tinha bastante comida mas eu quase não comi. Via muitos garçons passando pra lá e pra cá, com bandejas que encantavam os olhos, mas a minha mesa e algumas vizinhas simplesmente não eram servidas. Sério, zero serviço. Era mais ou menos assim: os garçons saiam da cozinha e uns iam para a esquerda, outros para a direita e o meio ficava sem serviço. Muito surreal!

- cerimonialistas e equipe que acham que são convidados das festas

Eu já falei aqui várias vezes que na minha opinião convidado é convidado, quem está trabalhando está trabalhando. Não sou má nem ditadora. Claro que quem está trabalhando tem que comer, óbvio. Saco vazio não para em pé. Mas sempre achei que isso deveria ser de forma discreta, na cozinha por exemplo ou numa salinha reservada. Teve um casamento que fui que uma menina do cerimonial simplesmente sentou numa mesa de convidado para comer! Como assim??????? Isso não é lenda, é fato! Até tirei uma foto da cena porque foi demais!! rsrs

- DJs que não conseguem manter a animação da pista

A animação de uma festa é como um gráfico. Começa lá embaixo, vai subindo, subindo, subindo, se estabiliza lá em cima e depois vai descendo.
Mas alguns DJs simplesmente não conseguem manter o gráfico. A pista tá super animada, com músicas maneiríssimas e de repente ele coloca uma música nada a ver.
Aí volta a tocar músicas boas, rola uma sequencia bacana e depois uma música nada a ver. Essa “música nada a ver” geralmente é uma música pouco conhecida, pouco comercial, entendem? Mas pode também ser ainda mais nada a ver: uma música lenta (tipo Frank Sinatra) no meio de uma sequencia de hip hop.

- casamento entre brasileiros e estrangeiros em que a equipe de cerimonial não fala inglês
Essa não tem nem comentários.

Dá pra imaginar a cena da equipe de cerimonial “se comunicando” com os convidados gringos por mímica????? O fim né?
Se o casamento é “internacional”, recepcionistas precisam falar inglês...

- filmagem com poste de luz

Quando a gente acha que esse tipo de profissional acabou, a gente se surpreende e esbarra com um tipo desse em alguma festa.
O ambiente fica tão claro que fica parecendo uma repartição pública. Não dá, é inibição na certa! Tem que ser com “luzinha” acoplada na câmera, bem discreta e sem fios para evitar tropeços.

- equipe de barman lenta
Já fui a duas festas em que a caipirinha demorava horrores pra ficar pronta e por 2 motivos diferentes.

Numa os mocinhos do bar ficavam fazendo malabarismo com as garrafas. Que coisa mais chata! Enquanto eles jogavam as garrafas de um lado pro outro, respingando vodca em que estava aguardando, a fila só crescia. Numa boa, o convidado quer a bebida, não quer um espetáculo circense. Nesse caso eu e uma amiga descobrimos um meio de agilizar nossa bebida: ficávamos de costas para o barman. Como ele não tinha platéia, fazia a bebida sem firulas e rapidinho!! rsrsrs

Num outro caso os meninos não faziam firula, mas eram lentos, muuuuito lentos.
Eis a descrição do processo produtivo da caipirinha:
Pega o copo, coloca a fruta direto no copo, amassa a fruta, coloca o álcool, coloca o gelo, coloca o adoçante, pega uma micro colher e mexe tudo no copo que já está abarrotado. Afffffff
Média de 5 min para cada bebida preparada. Já imaginaram o drama??

- convidados mal vestidos

Disso eu também tenho fotos! Juro!
Fui numa festa que não entendi nada. Homens de sapatênis, mulheres de calça jeans e salto, homens de calça cargo, de blusa de manga curta, de polo...
Que gente mais sem noção! E não pensem que estou descrevendo cenas de um casamento de manhã. Casamento à noite...
Será que essas pessoas não sabem se vestir? Como as mulheres deixam seus maridos e afins saírem desse jeito???? rsrsrsrsrs

- miserê de bem casado

Taí uma coisa chatíssima. Certa vez fomos num casamento em que a equipe de cerimonial entregava na saída o bem casado na mão do convidado.
Já acho isso péssimo, melhor deixar as pessoas a vontade para pegar numa mesa.
Como se não bastasse isso, a mocinha entregou 1 só pra mim. Quando o Diogo pediu, ela disse: não, é só para as mulheres!!!!!!
Que coisa mais constrangedora! Péssimo!


Bjs

11 comentários:

Jackeline Mota disse...

hahahaha que horror!
miserê de bem-casado não!
beijocas,

Aldianne Marques disse...

muito cômicas essas cenas, mas infelizmente são a realidade atual do mundo casamentício...

bjinho

aninha disse...

Oi flor... nossa mtas coisas dessas q vc colocou ai são mto verdadeiras!
Tenho medo ...
bjO

Marcinha disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, caraca espero que não aconteça nada disso no meu casamento hahahahha.

Fernanda Moniz disse...

NOOOOOSSA!!!
Quantas coisas vc anda vendo por aí!!!
É triste, né???
As pessoas pagam rios de dinheiro em um casamenro que o serviço não é bem feito!!!
Beijos

Liège disse...

Oi, Bia. Eu morro de pena dos noivos quando alguma coisa não dá certo e sinto vergonha alheia quando algum fornecedor não tem uma postura adequada ou quando um convidado se comporta mal. Os noivos não merecem isso, ainda mais em um dia tão especial e sonhado.
Mas, por outro lado, me dá uma alegria imensa quando fica tudo lindo e o casamento é cheio de alegria e emoção. Adoro!
Beijos.

Gi disse...

Beatriz, hilária seus relatos..rs. Sabe que tem dois que discordo: em relação a profissionais, acho que podem sim se sentar em uma mesa, como os convidados, desde que, já tenham feito TUDO que estavam ao alcance para que dê certo, isso já no auge da festa, pois muitas vezes diversos salões de festas não permitem que entrem muitas pessoas na cozinha, por questão de higiene e espaço. A mesa para esta ocasião, deve ser extremamente discreta, acho que aí não teria problemas. No quesito casamento 'gringo' a noiva/noivo tem que exigir que se fale o inglês, pois isso é raro nos serviços de cerimonial. Adorei os relatos! Bjs

Manu disse...

Tem coisas que são o oh mesmo.

Já vi mta coisa do que vc disse, festa chique, cheia de comida e ninguém comia pq tinha poucos garçons.

Acho falta de respeito ir em um casamento de jeans.

Beijão

Roberta Noivinha disse...

Nada de miserê de bem casado!! E nem convidados mal vestidos! È o fim!!!!!!!!! rsrsrsrs

Bjs

Aline Quadros disse...

Oi Bia!
Pois é parece mentira, mas também já ví duas situações bastante interessantes. A primeira em uma festa o garçon muito mau-humorado, se encostou na pilastra da casa de festas e dormiu em pé literalmente, enquanto a festa rolava solta! E em outra festa o fotógrafo sentou-se, colocou a câmera dele em cima da minha mesa sem pedir licença (talvez soubesse q eu não daria) e começou a comer, beber e descansar como se fosse um convidado comum! Enquanto isso os noivos se acabavam de dançar na pista, não viram nada e provavelmente não terão nenhuma foto do momento...

Beijinhos!

Moema disse...

Bia, qual é a quantidade ideal de bem-casados? 2 por pessoa ? Bjos